terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

Franquia em Londrina é referência no consumo de coleção de luxo


Performance na venda de sapatos e bolsas feitas com pele original de cobra piton, da grife Jorge Bischoff, foi destaque nacional
  

O desempenho acima da média nacional na venda de produtos de luxo pela franquia Jorge Bischoff em Londrina foi destaque entre as mais de 70 lojas da grife no país. A boa performance foi anunciada durante o Encontro de Franqueados da Jorge Bischoff do Brasil, realizado em Gramado, semana passada.

A loja, instalada no Catuaí Shopping, foi apontada como referência na venda da coleção Luxo Legítimo que contempla peças clássicas desenvolvidas com pele original de cobra piton e representam o grau máximo de exuberância da grife.

Cada produto da coleção é único porque mantém os desenhos das escamas em suas formas originais. A matéria-prima é importada da Indonésia e da Malásia com certificado de procedência e manejo sustentável. A exportação de peles é fonte de renda para os nativos que capturam as cobras para alimentação em processo controlado pelos órgãos ambientais internacionais.

“São verdadeiras joias que colocam todo o protagonismo do look na bolsa e no sapato e que tiveram vendas em Londrina acima da média nacional”, afirmam Deleise e Humberto Gonçalves, à frente da franquia que foi aberta no Shopping em outubro de 2016.

Para a temporada outono/inverno que virá, a Jorge Bischoff vai apostar em leituras surpreendentes das tendências que vão reinar na estação do frio. O estilo country, as animal prints, o mood esportivo, o design geométrico e a versatilidade dos tons terrosos estarão entre os destaques da moda. Segundo a grife, será uma coleção repleta de exuberância, ousadia e máximo conforto.





Direitos do folião como consumidor no Carnaval
O Carnaval se aproxima e a diversão nos trios elétricos e escolas de samba envolvem compra de fantasias e outros apetrechos para que o folião participe da festa. Caso seja descumprida a entrega desses produtos, como o consumidor pode reclamar? Dúvidas assim são comuns para os foliões que são consumidores de serviços e porque ocorrem desacordos  entre aquilo que é adquirido e entregue. Até mesmo um baile de matineé pode ser questionado pelo consumidor, caso não respeite as regras entre o que foi anunciado e o comercializado, por exemplo a presença de adultos que não sejam pais ou acompanhantes de crianças menores..
O feriado de Carnaval é ótimo para se divertir e para viajar. Serviços contratados como transporte, acomodação e aluguel de veículos podem apresentar problemas. Saiba quais são seus direitos e quem deve responder pelas falhas. Para compra de passagens rodoviárias ou aéreas compradas antecipadamente, quais as regras para quem precisa cancelar? Muitas pessoas não sabem o que fazer. Neste caso, qual a regra?
Esse também é o período em que há muita discordância entre locatários e locadores de casas na praia ou campo entre o que é oferecido e o que é entregue. Saiba quais as formas de evitar cair em golpes e quais são seus direitos se houver diferenças entre o anúncio e o imóvel real.
Dori Boucault é advogado especialista em direitos do consumidor e pode explicar essas e outras situações da relação de consumo no período de folia
Por;Dori Boucault, advogado especialista em direitos do consumidor e do fornecedor